ORIENTAÇÕES SOBRE
DISFUNÇÃO SEXUAL MASCULINA:
Disfunção Eréctil e Ejaculação
Prematura
Definição, Epidemiologia e Factores de risco
(Texto actualizado em Março de 2009)
E. Wespes, E. Amar, I. Eardley, F. Giuliano, D. Hatzichristou,
K. Hatzimouratidis, F. Montorsi, Y. Vardi
A disfunção eréctil (DE) é a incapacidade persistente em atingir
e manter erecção suficiente para permitir um desempenho
sexual satisfatório. Embora a DE seja uma patologia benigna,
afecta a saúde física e psicossocial, apresentando um impacto
significativo na qualidade de vida (QoL) do doente, bem como
das respectivas parceiras e famílias. Uma revisão recente de
estudos epidemiológicos sobre DE sugere que aproximadamente
5 a 20% dos homens têm DE moderada a grave. A
diferença nas incidências reportadas é devida, provavelmente,
às diferenças na metodologia, idade e estatuto socioeconómico
das populações estudadas.
A disfunção eréctil partilha factores de risco comuns com a
doença cardiovascular, incluindo falta de exercício, obesidade,
Eur Urol 2002;41(1):1-5.
Eur Urol 2006;49(5):806-15
Disfunção Sexual Masculina 101

tabagismo, hipercolesterolemia e síndrome metabólica. O
risco de DE pode ser reduzido através da modificação destes
factores de risco, em particular prática de exercício e perda de
peso. Outro factor de risco de DE é a prostatectomia radical
(PR), em qualquer das suas vias (aberta, laparoscópica, ou robótica),
devido ao risco de lesão dos nervos erigentes, a baixa
oxigenação dos corpos cavernosos e a insuficiência vascular.
Cerca de 25 a 75% dos homens submetidos a PR sofrem de DE
pós-operatória. Idealmente, os doentes que são considerados
para prostatectomia radical com preservação do feixe vasculonervoso
(NSRP) não devem ter disfunção eréctil, de modo a
assegurar uma boa recuperação após PR.
A avaliação básica (avaliação diagnóstica mínima) resumida
na Figura 1 deve efectuar-seemtodos os doentes com DE.
Devido aos potenciais riscos cardíacos associados à actividade
sexual, a 2 Princeton Consensus Conference estratificou os
doentes com DE que querem iniciar, ou retomar, a actividade
sexual em três categorias de risco (Fig. 2). O grupo de baixo
risco inclui doentes assintomáticos commenos de três factores
de risco para doença arterial coronária (excluindo o sexo masculino),
angina ligeira ou estável (avaliada e/ou a ser tratada),
enfarte do miocárdio anterior sem complicações, disfunção
ventricular esquerda ou insuficiência cardíaca congestiva ligeiras
(classe I NYHA), após revascularização coronária bem sucedida,
hipertensão controlada e doença valvular ligeira. Todos
os outros doentes foram incluídos numa categoria de risco
intermédio ou alto e necessitamde consulta de cardiologia.
Diagnóstico e avaliação
Avaliação básica
nd
102 Disfunção Sexual Masculina
impotencia masculina 1
impotencia masculina 2
impotencia masculina 3
impotencia masculina 4
impotencia masculina 5
impotencia masculina 6
impotencia masculina 7
impotencia masculina 8
impotencia masculina 9
impotencia masculina a
impotencia masculina a1
impotencia masculina a2
impotencia masculina as1
impotencia masculina as22
impotencia masculina f1
impotencia masculina b6
impotencia masculina x1
impotencia masculina x2
impotencia masculina x3
impotencia masculina x5
impotencia masculina ca
impotencia masculina g1
impotencia masculina h11
impotencia masculina h2
impotencia masculina h33
impotencia masculina j1
impotencia masculina j2
impotencia masculina j33d
impotencia masculina k1
impotencia masculina k22
impotencia masculina kl1
impotencia masculina n1
impotencia masculina n2
impotencia masculina n3
impotencia masculina n4
impotencia masculina n5
impotencia masculina n6
impotencia masculina n7
impotencia masculina y1
impotencia masculina y2
impotencia masculina 1d
impotencia masculina,1
impotencia masculina,2
impotencia masculina,3
impotencia masculina,4
impotencia masculina,r1
impotencia masculina,q1
impotencia masculina,q2
impotencia masculina,aw1
impotencia masculina,z1
impotencia masculina,z2
impotencia masculina,z3
impotencia masculina,z4
impotencia masculina,1q
impotencia masculina,2q
impotencia masculina,3q
impotencia masculina,4q
impotencia masculina,1t
impotencia masculina,2t
impotencia masculina,3t
impotencia masculina,4ty
impotencia masculina,g2a
IMPOTENCIA SEXUAL
REMÉDIOS
CLIQUE AQUI
impotencia masculina,bb7
impotencia masculina,nnu
impotencia masculina,jji
impotencia masculina,77yj
impotencia masculina,9p
impotencia masculina,m9q
impotencia feminina
frigidez feminina
impotencia sexual remedios v1
remedios para impotencia sexual
tratamentos para impotencia sexual
impotencia sexual remedios
impotencia sexual remedios 1
impotencia sexual remedios 2
impotencia sexual remedios 3
impotencia sexual remedios v1
impotencia sexual remedios 3a
impotencia sexual remedios b1
impotencia sexual remedios h1
impotencia sexual remedios n3
impotencia sexual remedios 1z
impotencia sexual remedios 12z
impotencia sexual remedios b12
impotencia masculina,vv6
impotencia masculina,vv78
impotencia sexual remedios yx
impotencia sexual remedios h5
impotencia sexual remedios j
impotencia sexual remedios 1w
impotencia sexual remedios 2w
impotencia sexual remedios 3t
Ocreme-SS é um agente anestésico de aplicação tópica feito de
extractos de nove ervas. É aplicado na glande do pénis 1 hora
antes e que se lava imediatamente antes do coito. Num ensaio
clínico aleatorizado, a aplicação de 0,2 g de creme-SS melhorou
significativamente o IELT e a satisfação em comparação
com o grupo de placebo. Foram reportados ardor local e dor
ligeiros por 18,5% dos doentes. Não foram observados efeitos
adversos na função sexual, na parceira ou efeitos secundários
sistémicos.
A primeira escolha de tratamento da EP são os inibidores
selectivos da recaptação da serotonina (SSRIs), em toma diária,
mas são usados na EP fora das indicações terapêuticas
aprovadas. Os SSRIs usados normalmente incluem a paroxetina
(20-40 mg/dia), sertralina (25-200 mg/dia) e a fluoxetina
(10-60 mg).
Com base numa revisão sistemática e em meta-análises, esperava-
se que os SSRIs aumentassem a média geométrica do
IELT entre 2,6 a 13,2 vezes. Verificou-se que a paroxetina é
superior à fluoxetina, clomipramina e sertralina. O atraso da
ejaculação pode notar-se alguns dias após o início da toma do
fármaco, mas é mais evidente após 1 a 2 semanas e pode manter-
se por vários anos. Os efeitos secundários frequentes dos
SSRIs incluem fadiga, sonolência, bocejos, náuseas, vómitos,
xerostomia, diarreia e sudação; são normalmente ligeiros e
melhoram gradualmente após 2 a 3 semanas. Também foram
reportadas diminuição da libido, anorgasmia, anejaculação e
DE. O tratamento em necessidade é menos eficaz que a dosagem
diária, mas pode associar-se a uma tentativa inicial de
tratamento diário ou tratamento diário concomitante de dose
baixa para reduzir os efeitos adversos.
Inibidores Selectivos da Recaptação da Serotonina
Disfunção Sexual Masculina
A dapoxetina é um SSRI forte, que foi concebido especificamente
para tratamento oral de uso em necessidade para a EP.
Uma análise integrada de dois ensaios clínicos aleatorizados
concluiu que a dapoxetina, 30 e 60 mg, melhora significativamente
o IELT em comparação com placebo. Foi reportada uma
melhoria no controlo da ejaculação por 51% e 58% dos doentes
nos grupos de dosagem de 30 mg e 60 mg, respectivamente.
Ambas as doses de dapoxetina foram eficazes na primeira
dose. Os efeitos adversos frequentes foram náuseas, diarreia,
cefaleias e tonturas. A proporção de homens com um incremento
de duas ou mais categorias no controlo e satisfação
relativamente às relações sexuais (de uma escala com 5 pontos,
‘muito fraco’ a ‘muito bom’) com dapoxetina 30 e 60 mg foi de
36,3% e 44,5%, respectivamente (versus 15% com placebo).
Noutro ensaio clínico aleatorizado, a dapoxetina reduziu a
perturbação pessoal e as dificuldades interpessoais associadas
à EP. A dapoxetina foi aprovada (Dezembro de 2008) para o
tratamento em necessidade da EP em sete países europeus
(Suécia, Áustria, Finlândia, Alemanha, Espanha, Itália e Portugal).
Este é actualmente o primeiro e único fármaco aprovado
para esta indicação.
Vários estudos recentes sustentam o papel terapêutico dos
inibidores da PDE5 na EP. No entanto, só há um ensaio clínico
aleatorizado que estabelece a comparação entre o sildenafil e
placebo. Embora o IELT não tenha melhorado significativamente,
o sildenafil aumentou a confiança, a percepção de controlo
ejaculatório e a satisfação sexual global, reduziu a ansiedade
e diminuiu o tempo refractário para alcançar uma segunda
erecção após a ejaculação.
Inibidores da fosfodiesterase de tipo 5
124 Disfunção Sexual Masculina
male-impotence-sexual-remedies-masculine impuissance sexuelle-recours-männlich-Impotenz-sexuelle-Heilmittel-impotencia-masculina- sexual-remedios-maschio-impotenza-sessuale-rimedi
male-impotence-sexual-remedies-masculine impuissance sexuelle-recours-männlich-Impotenz-sexuelle-Heilmittel-impotencia-masculina- sexual-remedios-maschio-impotenza-sessuale-rimedi
Impotência, disfunção erétil, problemas de impotência sexual
o homem com problemas de impotencia masculina.
IMPOTENCIA SEXUAL REMEDIO NATURAL
IMPOTENCIA MASCULINA REMEDIO NATURAL
Você está lutando para obter um para uma relação sexual satisfatória membro rigidez suficiente (ereção)? Então você provavelmente sabe por experiência própria: Embora seja fácil de fazer piadas sobre a disfunção erétil, mas se você mesmo estão preocupados, então é muito difícil encontrar alguém com quem você pode falar abertamente sobre o assunto. Muitas vezes isso não sucede, mesmo com seu próprio parceiro. Nós ajudá-lo a encontrar uma maneira de sair desta situação.remedio natural para impotencia masculina
remedios para impotencia masculina genericos remedio caseiro para impotencia masculina cura impotencia masculina
As palavras " impotência "e" impotente "são muitas vezes utilizados em um sentido negativo e pejorativo.
impotência masculina remedio natural
Remédio natural para impotência sexual masculina e frigidez feminina
Remédio natural para impotência sexual masculina e frigidez feminina
tratamento para impotencia masculina natural
cura natural da impotência masculina e impotencia feminina
Nós, portanto, usar de preferência o termo médico correto " disfunção erétil "ou falar de" problemas de energia "," disfunção erétil "e" disfunção erétil "ou" disfunção erétil ". Como no impotência vernáculo, mas principalmente o termo é usado, também não estamos inteiramente dispensar esta noção.tratamento para impotencia masculina e frigidez feminina natural
Existem várias definições para a disfunção eréctil (short), os detalhes estão no nosso lado " definição de disfunção erétil ". Todos mutatis mutandis definições conter a seguinte declaração:
"A disfunção erétil (DE) é quando, uma ereção suficiente ocorre ao longo de um período mais longo na maioria das tentativas de realizar uma relação sexual ou pode ser mantida."tratamento para impotencia masculina e frigidez feminina natural
Há muitas circunstâncias da vida, tais como esgotamento físico ou mental, doença aguda ou estresse na família, no trabalho, no ambiente social, o que pode afetar negativamente a função erétil. No entanto, esta não é uma falha de erecção disfunção eréctil. Se a situação relaxou de novo, então a ereção irá definir volta como de costume. Muitas vezes, a disfunção erétil é também associado com outros problemas sexuais , tais como falta de desejo sexual (falta de libido) e ejaculação precoce confuso.
Isso é o que queremos dizer cada homem afetado remedios para impotencia masculina genericos
A disfunção erétil (DE) pode indicar muito cedo outras doenças perigosas, ainda não reconhecidos, como diabetes, doença cardíaca coronária ou aterosclerose. Portanto, um médico esclarecimento das causas é muito importante. Por favor, não empurre o em banho-maria!
Mais que temos, sob o título " pênis sistema de alerta precoce em conjunto ".
Você não está sozinho, e você não tem que ser só terminou.remedios para impotencia masculina genericos
Na Alemanha, existem cerca de 5 milhões de homens - que é 20% de todos os homens de 30 a 80 anos de idade - com disfunção erétil (detalhes contém o nosso lado " frequência (prevalência) da disfunção erétil "). Isso pode ser o conforto frio. Mas isso também significa que você pode encontrar interlocutor simpático, porque falar ajuda !remedio natural para impotencia masculinaHá uma série de medicamentos e ferramentas para obter uma ereção, apesar de disfunção erétil. Porque você também pode encontrar para você junto com seu parceiro e seu urologista.tratamento para impotencia masculina e frigidez feminina natural
Nós temos uma visão geral deste " tratamento (cura impotencia masculina) da disfunção eréctil em conjunto ".
Há também sem um sexo satisfatório e luxurioso ereção incluindo o orgasmo para ambos os parceiros.
Também, nós temos algumas sugestões: " sexo Lust completa sem ereção ".
A nossa experiência remedios para impotencia masculina genericos
Mesmo alguns médicos têm problemas,cura impotencia masculina ,abertos e empáticas para falar sobre o tema da sexualidade.
Se o seu médico ilude a questão da sexualidade, muda rapidamente de assunto, ou os seus problemas banalizado ("Eu vou ficar bem"), então só há uma coisa que você rapidamente procurar outro médico!
Nem todos os urologistas têm conhecimento e experiência suficiente para o diagnóstico e tratamento da disfunção erétil.
Nossos dicas para a primeira visita do médico para ajudar a encontrar o médico certo e para agir como um paciente informado.
Muitos homens com disfunção erétil não se sentir mais do que um homem "real", mas como um fracasso. Esta auto-estima está profundamente chocado, impacto negativo sobre a parceria, os contatos sociais e capacidade de trabalho são o resultado. Muitos homens se afastar de seu parceiro de volta, vai toda a ternura do caminho e se recusam a falar sobre a sua condição.
Os parceiros são, portanto, incerto e saiu com perguntas agonizantes (e cura impotencia masculina? Não sou atraente o suficiente? Será que ele tem uma namorada? cura impotencia masculina). O comportamento dos homens, provavelmente, está fortemente relacionada muitas suposições falsas e fantasiosas sobre a sexualidade juntos. Alguns deles nós temos na pagina " mitos sexuais juntos. "
A maioria das mulheres têm mais problemas de modo que seu parceiro não pode falar abertamente sobre seus problemas, como com a própria disfunção erétil remedios para impotencia masculina genericos
REMEDIOS NATURAIS PARA IMPOTENCIA MASCULINA
IMPOTENCIA MASCULINA REMEDIOS TRATAMENTO MEDICAMENTO NATURAL,
IMPOTENCIA MASCULINA REMEDIOS TRATAMENTO MEDICAMENTO NATURAL,HGY76
IMPOTENCIA MASCULINA REMEDIOS TRATAMENTO MEDICAMENTO NATURAL,HGY76
IMPOTENCIA MASCULINA REMEDIOS TRATAMENTO MEDICAMENTO NATURAL, MBU7YTRF
IMPOTENCIA MASCULINA REMEDIOS TRATAMENTO MEDICAMENTO NATURAL,NBGYTY TYUYT
remedio para impotencia masculina,HYU
remedio para impotencia masculina,fh7i8
remedio para impotencia masculina,o8k7
remedio natural para impotencia masculina.dfryt
remedio natural para impotencia masculina,yi6y
impotencia masculina,3qtyu6
impotencia masculina,4q6ueu
impotencia masculina,1t6u758ujyt
impotencia masculina,27876i65yt
impotencia masculina,37865uytkukt
impotencia masculina,467865juykyty
impotencia masculina,i6i875oth2a